• Acessibilidade
  • A-
  • A
  • A+

Prefeitura de Parintins recebe equipamentos de gasometria em parceria com o TRT, MPT e DPE

Os equipamentos medem pH e os níveis de oxigênio e gás carbônico no sangue de uma artéria. Esse exame é utilizado para verificar se os seus pulmões são capazes de mover o oxigênio dos alvéolos para o sangue e remover o dióxido de carbono do sangue.

Notícia do dia 04/04/2020
Prefeitura de Parintins recebe equipamentos de gasometria em parceria com o TRT, MPT e DPE Foto: Márcio Costa

A Prefeitura de Parintins recebeu na manhã deste sábado (04) dois equipamentos de gasometria em uma parceria com Tribunal Regional do Trabalho da 11ª região, através articulação do Ministério Público do Trabalho e Defensoria Pública do Estado do Amazonas.

Os equipamentos medem pH e os níveis de oxigênio e gás carbônico no sangue de uma artéria. Esse exame é utilizado para verificar se os seus pulmões são capazes de mover o oxigênio dos alvéolos para o sangue e remover o dióxido de carbono do sangue.

A entrega contou com a participação do secretário de Saúde, Clerton Rodrigues, que representou o prefeito Bi Garcia, da defensora pública Gabriela Gonçalves, dos médicos Daniel Tanaka e Alberto Figueiredo, da diretora do hospital Jofre Cohen, Joseane Mascarenhas, da coordenadora de Vigilância em Saúde, Elaine Pires, e da diretora do laboratório Mateus Pena Ribeiro, Silvia Ferreira.

O secretário de Saúde, Clerton Rodrigues avaliou como fundamental a parceria que trará grandes benefícios à população. "A gestão tem incentivado essas parcerias. É isso que nós precisamos. Trabalhar a cada dia em prol a população e deixar um legado. Queremos agradecer aos órgãos envolvidos nesta aquisição e também estender a gratidão a todos estão nos apoiando neste momento", pontuou o secretário.

A defensora pública Gabriela Gonçalves contou que fez primeiramente o contato com a Secretaria Municipal de Saúde sobre as principais demandas deste momento, encaminhando ao Ministério Público do Trabalho para tentar recursos que estavam em conta judicial de processos referente a Termos de Ajustamento de Conduta (TAC) não cumpridos. "Tudo passa por um procedimento extrajudicial dentro do Ministério Público do Trabalho e uma aprovação judicial. A partir disso conseguimos esta destinação e os equipamentos agora serão muito úteis para a população de Parintins e do Baixo Amazonas", destacou a defensora pública do Estado do Amazonas, Gabriela Ferreira Gonçalves.

Os médicos Daniel Tanaka e Alberto Figueiredo destacaram a importância do ato, levando em consideração a precisão do equipamento em momentos fundamentais do atendimento em que o paciente precise ser entubado. "Temos uma evolução neste momento de cerca de 25 anos como legado para a população", afirmou Dr Alberto.