• Acessibilidade
  • A-
  • A
  • A+

Parintins: Pontos Culturais, Turísticos e Históricos

Notícia do dia 03/11/2021 Ouvir Notícia
Parintins: Pontos Culturais, Turísticos e Históricos

Liceu de Artes e Ofícios Cláudio Santoro – Unidade Parintins: funciona no Bumbódromo, possui sala de cinema, biblioteca, memorial dos bois, galeria e visita dirigida a arena do Bumbódromo. Funciona de agosto a maio.

 

Memorial Japonês: Localizada em frente ao Bumbódromo, a praça de nome TSUKASA UETESUKA, é uma homenagem em reconhecimento ao trabalho da comunidade japonesa a economia do município com o ciclo da juta.

 

Praça da Liberdade: O espaço conta com representações artísticas de vários períodos históricos de Parintins.

 

Balneário Cantagalo: localizado na comunidade do Aninga. O local conta com um píer, além de quadras de areia para futebol e voleibol, serviços de bar e restaurante, lanchonete e palco para shows. Local bastante movimentado nos fins de semana e no período do festival.

 

 

Mercado Municipal: obra construída ao final do período de Intendência, século XIX, permite que o turista se renda aos sabores regionais lá encontrados. Entre as iguarias, o fritinho de crueira, tapioquinha, etc. Também é possível encontrar um local específico relacionado à saúde, como ervas naturais que pode ser usado no tratamento de doenças. Entre as ervas: quina-da-mata, aroeira, unha de gato, saracura mira, além de óleos e banhas naturais, frutas, comidas típicas e artesanatos que deixam o turista mais próximo da cultura parintinense.

Catedral de Nossa Senhora do Carmo: patrimônio cultural do estado, é o maior templo católico do médio Amazonas, o local concentra diversos turistas no período do festival e no círio de Nossa Senhora do Carmo. O projeto da obra foi realizado por um engenheiro italiano, sendo a obra concluída com a construção da torre no lado esquerdo da Igreja, sob orientação do engenheiro parintinense, Simão Assayag. O interior do templo é decorado com pinturas do Irmão Miguel de Pascale, missionário italiano incentivador das artes em Parintins. Para que o projeto de construção da catedral se realizasse, em 1966 foi realizado o primeiro Festival Folclórico, para com a finalidade de angariar recursos para a construção do templo.  A Igreja apresenta uma construção contemporânea. É a edificação mais alta do município e pode ser vista a quilômetros de distância.

 

 

Letreiro "Eu Amo Parintins": obra de arte inaugurada no dia 08 de maio de 2021 está localizada no porto da cidade, de frente para o rio Amazonas e foi produzida pelo Coletivo Ártrua, coordenada pelo professor e artista Miguel Carneiro. Aprovado na Lei Aldir Blanc, além do Letreiro, o espaço conta com Muralismo e Monumentos Artísticos que ilustram a identidade do povo parintinense. 

 

 

 

Currais de Garantido e Caprichoso: locais onde ocorrem os ensaios que antecipam o festival. Cada boi tem o seu curral, o do Garantido está localizado na Rodovia Odovaldo Novo, km 1, s/n  e do Boi Caprichoso, na Rua Gomes de Castro, 685.

Praça Cristo Redentor: fica na orla de Parintins e é local de apresentações artísticas, tornando-se ponto obrigatório de passagem dos visitantes que chegam em centenas de barcos para o Festival. O local conta com serviços de bar, lanchonetes e restaurantes, além do píer utilizado para atracação de barcos regionais.

 

Igreja do Sagrado Coração de Jesus, Cruzeiro das Missões e Obelisco de Fundação da Cidade: marco de fundação do núcleo urbano de Parintins. A igreja do Sagrado Coração de Jesus foi a primeira catedral do município, o Cruzeiro, marca a questão religiosa e força católica de construção das missões e por fim o obelisco, marca o primeiro centenário da cidade.

 

 

Praia do Uaicurapá: lugar de banhistas nos finais de semana. As águas são límpidas e tem a cor do rio Negro, tendo em sua margem areia branca, além de uma floresta exuberante.  A praia de Itaracuera, com uma extensão de mais de um quilômetro, é frequentada durante no período do verão amazônico que vai de agosto a outubro. O acesso só é possível de barco ou lancha. Dependendo do transporte a viagem pode durar de 4:00 h a 1:30 h.

 

 

Serra de Parintins: localizada na divisa entre o Amazonas e o Pará, possui uma formação geográfica de 152m de altitude, com uma vegetação rica e espessa, emoldurada pelo Lago da Valéria, um dos atrativos naturais do lugar. Conhecida pelos seus encantos e lendas, com notáveis descobertas arqueológicas, a região faz parte dos cruzeiros turísticos internacionais.

 

 

Lago do Aninga: a aproximadamente 10km da cidade de Parintins, está localizada a comunidade do Aninga, banhada pelo lago do mesmo nome. Para quem gosta de pescar, passeios de barco o lago é o destino certo. Não só em junho que a cidade costuma receber turistas, mas durante o ano todo, esses pontos no interior do município atraem muitos visitantes. Além da pesca, outro atrativo do lago do Aninga é o pôr-do-sol nas águas tranquilas, margeadas pela vegetação nativa. Uma boa opção para quem quer tranquilidade.

 Temporada de transatlânticos: todos os anos, Parintins recebe turistas do mundo inteiro durante a temporada de transatlânticos. Neste ano, atracaram, na cidade, navios oriundos da Europa e Estados Unidos da América. Um deles é o M/S Fram, que possui bandeira norueguesa e faz cruzeiros em áreas geladas como a Antártica, Fiordes, Escandinávia, Patagônia, Groelândia, Círculo Polar Ártico e que neste ano esteve no Brasil e ancorou em Parintins durante sua expedição pela Amazônia.